Número total de visualizações de página

quarta-feira, 20 de março de 2013

Polícia francesa faz buscas à casa da diretora do FMI


Buscas prendem-se com o caso Tapie

A polícia francesa fez buscas à casa da diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, em Paris.

De acordo com o advogado de Largarde, Yves Repiquet, as buscas prendem-se com o «caso Tapie».

«As pesquisas são a manifestação da verdade, que vai contribuir para a idenção da responsabilidade criminal da minha cliente», disse Repiquet.

A Justiça suspeita que Christine Lagarde , na época ministra da Economia e das Finanças, tenha favorecido Bernard Tapie, ex-ministro de um Governo socialista durante a presidência de François Mitterrand e, depois, apoiante de Nicolas Sarkozy nas presidenciais de 2007 e 2012.

A ex-ministra francesa e atual diretora do FMI é suspeita de «cumplicidade de desvio de fundos». O braço direito de Nicolas Sarkozy diz ter sido ela que tomou as decisões que renderam mais de 400 milhões de euros a Bernard Tapie.

=TVI24=

Sem comentários:

Enviar um comentário